Gramática – Figuras de Som

Este post é sobre figuras de som. Elas fazem parte das figuras de linguagem e que correspondem à repetição de sons combinando os pensamentos e as ideias com o intuito de dar mais expressividade às orações.

Aliteração

Repetição de consoantes.

Bando de babuínos, bobocas, balbuciando em bando. (Minerva, no episódio “Cálice de Fogo” do filme “Harry Porter”)

 

Assonância

Repetição de vogais.

O governante, em meio aos protestantes, ficou hesitante e desceu do palanque, relutante.

 

Onomatopeia

Inclusão de palavras que imitam os sons verdadeiros de pessoas, de animais ou de coisas.

 

Sons emitidos pelo homem

Gemido Ai! Ui!
Tosse Cof! Cof!
Espirro Atchim!
Mordida Nhac!
Choro Buáá!
Vaia Uuu!
Surpresa Uau!

 

Sons emitidos pelos animais

Vaquinha Muuu!
Gatinho Miau!
Cachorrinho Au! Au!


Sons de barulhos

Relógio Tic! Tac!
Mergulho Splash!
Buzina Bip! Bip!
Batida na porta Toc! Toc!

No sitePortal da Educação”, há mais exemplos.

 

Paronomásia

Palavras semelhantes na escrita e na fala, mas que possuem significados diferentes. O fenômeno também é conhecido como “jogo de palavras” ou “trocadilhos”.  Leia mais sobre isso no artigoOs parônimos”.

O juiz absolveu o réu. 

O réu absorveu todos os conselhos dados pelo seu advogado.

 

Chegamos ao último post sobre as figuras de linguagem. Ufa! (onomatopeia = alívio)

Gostaria de ler seu comentário sobre o post.